Internet Explorer ficou vulnerável à ameaças durante 284 dias em 2006

ie-vulnerabilities.jpg

Do Slashdot. Brian Krebs, em seu site sobre segurança de redes no Washington Post, compilou algumas estatísticas sobre quanto tempo as empresas de software levaram, em 2006, para lançar correções e patches de segurança a fim de tornar seus produtos menos vulneráveis a ameaças e, assim, garantir um maior nível de proteção a seus usuários.

Segundo ele, o Internet Explorer, da Microsoft, ficou vulnerável a ameaças críticas de segurança durante 284 dias, ou seja, mais do que 9 meses corridos! Em comparação, o Firefox, no mesmo período, ficou exposto a falhas críticas de segurança por apenas 9 dias.

Cabe a nós esperar, deste modo, que em 2007 a Microsoft torne-se mais ágil na correção de seus produtos.

3 respostas para Internet Explorer ficou vulnerável à ameaças durante 284 dias em 2006

  1. Joel Freire disse:

    Já tem um tempo que não uso o IE como navegador padrão (apesar de não ser um adepto oficial de software livre, pelo contrario, defendo a questão dos direitos autorais), devido às essas vulnerabilidades por ele apresentadas fica complicado confiar e utilizar tranquilamente, acredito que o Firefox e o Opera são duas opções bem vistas aos olhos dos “sem-navegador”, e nesse esquema a microsoft é quem perde!

  2. Céus… e quem disse que Software Livre seria de alguma forma contrário à “questão dos direitos autorais”? Não entendi.

  3. Nelson Biagio Jr disse:

    Sem dúvida é uma situação preocupante, Joel.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: